(11)

(11)

Forração para Jardim

Gostou? compartilhe!

Uma rápida pesquisa na internet exibe resultados de imagens espetaculares de projetos de forração para jardim, que podem ser aplicados em imóveis residenciais ou comerciais e conferir beleza e sofisticação para ambientes variados. Para a construção de forrações em jardins, são utilizadas plantas que predominantemente crescem em posição horizontal e muitas vezes não atingem uma altura superior que a de trinta centímetros.Há diversos tipos de forrações para jardins, sendo as floríferas uma das mais comuns, pois possuem a capacidade de conferir alegria e contraste ao ambiente, duas características muito valorizadas.Entretanto, para garantir o êxito das forrações, existem cuidados que devem ser tomados. Alguns deles são:

  • Escolher o tipo de planta mais compatível com o local;
  • Executar a manutenção necessária;
  • Não pisotear.

Forração para jardim é sinônimo de beleza

A escolha do tipo de planta é essencial para o sucesso do projeto, pois o tipo de solo e a exposição ao sol afetam diretamente no desenvolvimento e aparência dos itens cultivados, portanto, para locais mais secos ou mais iluminados, é preciso adquirir plantas que se desenvolvam bem sob estas condições.O cuidado com os itens cultivados é essencial para que a forração seja mantida com uma aparência saudável. No caso de forrações com flores, as manutenções são ainda mais frequentes, pois trata-se de um tipo com durabilidade reduzida.As forrações não são feitas com grama, mas sim com plantas mais altas, portanto não podem ser pisoteadas, pois esta ação compromete a saúde do plantio e também afeta negativamente a estética do local, o que é o oposto do efeito desejado quando um projeto deste tipo é iniciado. A orientação de um profissional qualificado é um fator importante para que a forração cumpra seu propósito, portanto trata-se de uma ação altamente recomendada.